DicasTecnologia

Como a tecnologia pode ajudar as pessoas com autismo nos dias de hoje

autismo infantil

Como a tecnologia ajuda o autismo?

Estamos preparando nossos alunos com autismo para o passado ou o futuro?

Tive uma conversa com um professor de alguns adolescentes sobre o espectro do autismo. Ela declarou: “Meus alunos nunca terão um telefone celular”. Sua opinião era míope?

Aqui estão algumas estatísticas sobre o que está acontecendo em nosso mundo tecnossocial para nossa população em geral.

Mais livros kindle vendidos do que “livros reais” durante as últimas férias

  • 68 por cento dos brasileiros estão comprando online
  • 245 bilhões de usuários ativos no Facebook
  • 61% dos usuários de mídia social acessam conteúdo de mídia social de seus telefones celulares
  • Usuários de telefones celulares no Brasil enviam mais mensagens de texto do que ligações

E aqui está uma das estatísticas mais importantes.

A maioria das pessoas verifica o telefone antes de ir para a cama e logo de manhã.

O que isso tem a ver com autismo?

O treinamento de habilidades sociais é um dos serviços mais solicitados para alunos com autismo infantil. Aqui está a pergunta importante. Para qual mundo social estamos preparando nossos alunos? Com quem eles vão se socializar? Como essas pessoas se socializam?

O mundo social está mudando

Essas mudanças estão acontecendo rapidamente. A tecnologia tornou-se rapidamente uma ferramenta importante para gerenciar as relações sociais. Qual porcentagem de interação social ocorre sem que as pessoas nem se vejam? Como isso acontece? Telefonemas? Mensagens de texto? Como a presença de um telefone celular afeta a interação entre duas pessoas que estão fisicamente no mesmo local? O que tem precedência,  o telefone ou a pessoa ao seu lado? Quais são as novas regras para interação social?

O que precisamos ensinar?

Sabemos que nossos alunos com autismo frequentemente precisam de ajuda para aprender as habilidades de comunicação e comportamento necessárias para lidar com situações sociais de forma positiva. Os pais desejam que seus filhos tenham amigos. Então, o que precisamos ensinar aos nossos alunos com autismos para ajudá-los a “participar” da atividade social contínua que os cerca?

Não é uma pergunta fácil de responder

Primeiro, precisamos identificar o que é o novo ambiente social. Existem muitas variáveis. E haverá muitas respostas individuais a perguntas sobre o que ensinar. O objetivo aqui não é emitir um julgamento de valor sobre o uso da tecnologia para interação social. 

autismo infantil

Em vez disso, é uma tentativa de reconhecer o que está ocorrendo atualmente e, em seguida, decidir como trabalhar com isso. Estamos preparando nossos alunos para um mundo social que existia no PASSADO? Estamos ajudando-os a aprender as habilidades que NÓS queremos que eles tenham? Ou estamos ansiosos para saber quais habilidades eles precisarão ter no próximo ano? Dois anos? Cinco anos ou mais ???

E nem tudo é social. Esses comentários têm como alvo as dimensões sociais do uso do telefone. O uso da tecnologia para gerenciamento de tempo, realização de habilidades de vida e outras atividades pessoais leva a mais maneiras de avaliar como a tecnologia pode ajudar nossos alunos no espectro do autismo. Como a tecnologia ajuda o autismo? Você está explorando todos os caminhos?

Temos certeza que a resposta de todos vai ser que sim! A tecnologia pode ajudar muito as pessoas com autismo, ainda mais em épocas de pandemia quando todos temos que ficar dentro de casa.

Comment here